segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Nelson Mandela


Hoje estamos homenageando um dos maiores líderes e ativistas do mundo, Nelson Mandela, que sem dúvida deixa um legado de liberdade, sabedoria e paz. 


quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Apneia do sono: Será que você sofre disso?


Você sabia que dentre os vários distúrbios do sono, a Apneia é o mais comum?
Fique ligado, as consequências da Apneia são pausas respiratórias, ronco e falta de oxigênio transitória no sangue (hipoxemia). Para saber se você sofre de Apneia do sono leia esse artigo.


terça-feira, 1 de outubro de 2013

Vapor quente, verdades e mitos.


Se uma pessoa apresentar problemas respiratórios, como obstrução nasal (nariz entupido), com muita dificuldade de respirar, por causa de um resfriado, ou uma gripe, por exemplo, uma ótima solução é a inalação de vapor quente. 

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Como perder peso com a respiração !


Se você não presta atenção nesse ato involuntário, é bom ficar ligado. O ar que entra e sai sem pedir licença pode ser um aliado e tanto de quem quer exterminar os quilos extras

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Mofo, Problemas com umidade?

Mofo?


Cabide anti-umidade Pingi
Você sabia que uma família comum com 3 adultos gera cerca de 12 litros de umidade por dia em suas atividades normais de vida. As atividades diárias como a Respiração, o ato de tomar banho de chuveiro e até cozinhar geram essa umidade toda. O vapor de umidade forma pequenas gotículas de água que inicialmente ficam suspensas no ar, mas após algum tempo essas gotículas se assentam nos vidros, paredes, atrás e sobre móveis, dentro dos nossos armários, nos cantos, dentro de gavetas e guarda-roupas, sobre roupas e sapatos.

O constante acúmulo de umidade junto com o calor é um perfeito aliado para a formação do Mofo.

O Mofo pode causar mau cheiro, escurecimento e/ou apodrecimento da pintura de paredes e deterioração de móveis, roupas e objetos pessoais.

Além disso o Mofo é responsável por um aumento no número de alergias e doenças respiratórias em pessoas que ficam nos mesmos ambientes.

É justamente pelo fato do Mofo ser nocivo à 
nossa saúde, além de deteriorar nossas roupas e objetos, que devemos combatê-lo.


Cabide anti-umidade Pingi
Que tal começar pelo seu guarda roupa?

Sintomas e Efeitos de mofo nas roupas. 

Se você encontrar fungos em sua roupa você deve removê-lo o mais breve possível. Se você está vestindo roupas com fungos você pode sentir coceira onde o fungo está em contato com a pele e desenvolver uma "erupção cutânea". A roupa também pode fazer você espirrar quando você usá-la.
Outra razão para remover o fungo da roupa rapidamente é o prejuízo que pode fazer para a sua roupa. Fungos digerem qualquer material onde está em crescimento e a longo prazo vai destruir a roupa. Como fungo cresce, também vai deixar uma maior mancha em sua roupa, que pode ser difícil de remover e as roupas vão cheirar mal.

Finalmente, mofo em roupas libera esporos de mofo no ar da sua casa que pode promover o aumento de fungos. Além disso, um acúmulo de esporos no ar da sua casa pode causar-lhe a sofrer sintomas alérgicos, enquanto você está dentro de sua casa, tais como espirros e dor nos olhos.

Arte design Laura Figueiredo



sábado, 24 de agosto de 2013

O flúor como agente de distúrbios ósseos.


O relatório do National Institute of Arthritis and Metabolic Diseases, de 1973, chamava a atenção para o fato de os pacientes submetidos à hemodiálise com água fluorada apresentarem uma incidência de 50 a 100% de osteíte fibrosa doença degenerativa das fibras ósseas, que leva à deformação e fratura dos ossos.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Semana Assad: Camarote ou Platéia?

Bom... Depende!
Depende do quê?
Se você for cliente Bradesco Prime, tiver mais de 60 anos, sócio da AMITE... Ou for um cidadão comum.

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Tratado Geral da Burrice.


“Duas coisas são infinitas”:
O Universo e a burrice humana. “Mas a respeito do universo ainda tenho dúvidas” Albert Einstein.
Burrice pega? É contagiosa? Olhe as multidões. !

segunda-feira, 15 de julho de 2013

O flúor como agente de processos degenerativos.

Para Burgstahler e Carton, ex-cientista do Environmental Protection Agency (EPA), eletroquimicamente o flúor é o elemento mais ativo. Devido à facilidade com que se combina ao alumínio, ele o leva junto consigo ao cérebro. Segundo o Dr. Isaacson, o cérebro dos animais expostos a baixa doses de fluoreto de alumínio apresenta um emaranhado de vasos capilares e uma estrutura cristalina semelhante à encontrada nas vítimas da doença de Alzheimer.

terça-feira, 2 de julho de 2013

Padrão FIFA de qualidade.

Gostei dessa ideia vi  em algum lugar, já pensou se o cidadão Brasileiro exigisse dos governos em todos os níveis federal, estadual, municipal  os serviços públicos no padrão FIFA? Que maravilha seriamos o melhor país do mundo em qualidade e prestação de serviços! O Brasil que esta fazendo sua História nesse momento, vamos as imagens colhidas na rede...Veja o vídeo!

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Doenças Orgânicas X Disfunções Músculo Esqueléticas.


Doenças Orgânicas X Disfunções Músculo Esqueléticas. 

 Parte da Palestra feita na Academia WordFitness Espirito Santo do Pinhal 22.06.2013

Dr. Luis Figueiredo
 O que entendemos por disfunções músculo-esquelética.
As disfunções estruturais do sistema locomotor, as escolioses, lordoses, cifoses, ou desvios articulares, complexos de subluxação, rigidez articular, causam dores!
E muitas dores. O que mais vemos hoje é a falta de foco nos tratamentos trata-se o sistema músculo esquelético como se fossem doenças orgânicas.
Tratamos com quiropraxia, R.V.G. (Reestruturação Vertebral Global), removendo as fixações articulares, com ajustes quiropáticos que vão se instalando no corpo devido aos vícios de postura e perda de massa muscular e óssea, e oxidação natural.


segunda-feira, 24 de junho de 2013

O que é Quiropraxia ? Como se faz? Trata Hérnia de Disco?



Alguns tópicos abordados na palestra  que fiz a respeito de Quiropraxia que com certeza interessa a todas as pessoas. 


O que é quiropraxia, como se faz, como tratar Hérnia de Disco ou Protusão Discal, na abordagem de um quiropraxista. 

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Podemos usar no Lôta chás aromáticos que ajude a combater problemas respiratórios?

Erasmo Magnvm pergunta: 
Podemos usar no Lôta chá de guaco ou alguma erva/planta medicinal que ajude a combater problemas respiratórios?

Água Magnetizada no Lôta.

Outro dia um amigo, cliente, que usa LOTA, nos fez a seguinte pergunta: 

Erasmo Magnvm
Pergunta:

Eu tenho aquela jarra magnética, a jarra azul, eu posso utilizar a água dessa jarra para fazer a limpeza nasal?  Queria saber mesmo sobre a água magnetizada.

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Manifestações pelo Brasil a fora...colhendo os frutos.

Criamos o espaço e passamos pela experiência nele, estamos colhendo os frutos da sociedade espetáculo e da indústria cultural

Aquela que anos a fio investiu na alienação dos sujeitos, da subjetividade, apostou na massificação do consumo padronizado, na sociedade robótica alienada.

Quando os políticos eram donos dos jornais, rádios, canais de televisão, meios de comunicação, inventavam a verdade, propagavam o que lhes convinham, e replicavam, replicavam até aquilo se tornar uma forma de pensar hegemônica, uniforme, nada melhor para o sistema dominante vigente que uma massa obediente e ordeira, sem senso critico, sem capacidade de reagir, sem capacidade de pensar, sem nada, completamente amorfa, obediente e pagante de tributos.

Palestra Quiropraxia - Dr. Luis Figueiredo

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Resumo de trabalhos científicos sobre o magnésio.

Deficiência de magnésio e artrose.
A síntese de proteínas exige certa concentração de magnésio no interior da célula. A artrose é um problema ligado a regeneração da cartilagem e, por conseqüência, produção de proteínas (colágeno, e elastina) e de mucopolissacarídeos.

Todos os pacientes em estudo sofriam de uma usura do esqueleto, apresentando sempre uma severa ou mediana deficiência de magnésio e acompanhando esta carência uma certa deficiência de proteínas (LAGUSTICIA & BERGASA, 1981).

O Amor não é eterno.



O Amor romântico, eterno, incondicional, pode ter recebido um golpe mortal da ciência no inicio deste ano. Quem afirma é uma psicóloga norte-america Dra. Barbara Fredrickson, diretora do Laboratório de Emoções Positivas e Psicofisiologia da Universidade da Carolina do Norte, em Chapel Hill (EUA). 



No seu livro, best-seller Love: 2.0, afirma: Como nossa emoção afeta tudo que sentimos, pensamos, fazemos, e nos tornamos. 

terça-feira, 11 de junho de 2013

Papel do magnésio na vida celular.

A estabilidade elétrica das células, a manutenção da integridade da membrana, a contração muscular, condução nervosa e o controle do tônus vascular se fazem pela intermediação do magnésio. O magnésio tem participação importante nas modificações da permeabilidade celular, consequentemente na respiração celular, e nos da uma idéia importante desta ação retendo por sua vez aquilo que é necessário e rejeitando os dejetos.

Boca no Trombone


contato@lota.com.br
lota@lota.com.br

terça-feira, 4 de junho de 2013

Escovas de dentes podem acumular bactérias.


Escovas de dentes com dois ou três meses de uso podem ficar cheias de coliformes fecais se não forem higienizadas corretamente. "O banheiro é o local mais contaminado de uma casa".



Umidade, pouca circulação de ar e restos de comida formam o ambiente mais propício que existe para a proliferação de fungos e bactérias. Não é difícil concluir, portanto, que as escovas de dentes são alvos freqüentes de micro-organismos. Para piorar, elas nem sempre ficam dentro do armário do banheiro, por isso estão expostas às gotículas lançadas do vaso sanitário para o ar quando alguém dá a descarga sem fechar a tampa.

 Temos pesquisas que comprovam a presença de coliformes fecais alojados em escovas, em função das descargas e da proximidade com o vaso sanitário"

Ar seco é risco, afirmam otorrinos.

Ar seco é risco, adverte otorrino.

Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial oferece dicas de como amenizar os efeitos do clima seco.
 A umidade do ar abaixo dos 30%, índice mínimo considerado satisfatório pela Organização Mundial de Saúde (OMS), agrava os problemas respiratórios, como faringite, sinusite, amidalite, otite, rinite e laringite, pois aumenta a concentração de poluentes na atmosfera. Sem as chuvas, o ar se torna seco, tornando-se até inadequado aos pulmões, o que pode acarretar dificuldades na respiração.

"O ideal é que o ar que respiramos chegue ao pulmão quente e úmido, pois isso melhora a oxigenação do sangue, melhorando também nossa disposição e a qualidade do sono”, alerta o otorrinolaringologista Richard Voegels, presidente da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial.

terça-feira, 28 de maio de 2013

A sabedoria está além das palavras!


"Está na contemplação. É o andar que constrói o caminho e para isso não é preciso ser alguém especial, apenas um ser humano.
Compreende-se melhor com a sabedoria do que com os sentidos, estes nos enganam e vendem a idéia de que o mundo aparente é real e não uma ilusão. É preciso ficar atento uma vez que os nossos medos, angústias, e insatisfações distorcem os pensamentos.
 "Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta" Jung.

É preciso controlar a língua, ela materializa o turbilhão que vai à nossa cabeça e é responsável por turbilhões que atrapalham o dia-a-dia, cria inimizades e atrapalha o desenvolvimento. Melhor engolir palavras vãs e se desfazer delas depois e meditar sobre o que não foi dito. Quando se fala coisas boas, ouvem-se coisas boas. Entre falar em vão e se calar, opte por calar, o mesmo quando não tem uma resposta pronta para uma pergunta.
Cuidado para não se tornar aquilo que você combate.
“Mudar não é fácil, mas a dificuldade de uma tarefa é tão grande quanto se acredita que é.”

Fonte: Livro "Buda O Mito E A Realidade" Heródoto Barbeiro ed. Madras 2009 pag. 107  

Adquira o livro
Não tinha lido nada ainda, a respeito do Budismo, quando me interessei pelo livro "Buda o Mito e a Realidade" na verdade foi por causa do autor Heródoto Barbeiro, conhecido jornalista da TV cultura, nem sabia e jamais iria imaginar que Heródoto, fosse Budista, com certeza é dai que vem seu olhar sereno, simpatia, seriedade, bom senso, tudo que transmite paro para pensar, ver e olhar.

Peguei o Livro despretensiosamente para  ler não tenho nada contra nem a favor, do budismo, apenas vou conhecer algo novo que não vi ainda nesta vida. Conceder-me a oportunidade, como diz Heródoto no livro.  "Sem julgamento de valor ou juízo, com isenção e imparcialidade."

De repente, me surpreendeu como o livro foi narrado, as comparações entre Cristianismo e Budismo. Consegui ler até o fim, olha que isso é difícil para mim,  porque leitura chata costumo largar na metade.
E mais, me fez pensar, refletir, questionar, a realidade presente, e tudo que nos cerca. Atingiu seu objetivo em cheio.

Parar para pensar, dias de hoje no  meio de uma avalanche de informações inúteis, fúteis, na espetacularização  das coisas, das religiões que atraem multidões através dos espetáculos que apresentam, provocam sensações de êxtase em massa, prometem a  salvação e prosperidade no aqui e agora. A sociedade o entretenimento, da distração em massa, e do consumismo.

Nos dias atuais, não basta saber da existência de Deus é preciso tocá-lo, experimentar-lo, no aqui agora, e os profissionais de religião, de mídia, do imediatismo sabem desta angústia das pessoas, e oferecem à clientela exatamente o que procuram.

 Cura das doenças incuráveis, a alma humana, desesperada vai atrás. Sem parar e pensar quem estão ficando RICOS, com essas experiências e a competição entre elas, fica cada vez mais acirrada, pelos clientes, no quesito atendimento material, salvação agora, saúde para os males terrenos, teologia da prosperidade, e doação infinita de dinheiro para as igrejas. Estas sim vão bem obrigado.
Não confundir religião com religiosidade, este inerente a cada Ser Vivo Consciente de Si.

Estátua em gesso Buda Imperador

Buda a 2500 a.C  já prescrevia, a meditação para acalmar a mente, o desapego dos desejos para minimizar o sofrimento humano, já que nascer neste mundo de dementes, trás  angústia existencial, os conflitos entre o Ter e o Ser. Não é preciso Ter para Ser.

Uma frase que me chamou a atenção na leitura do livro: “Porque que entre Deus e Eu tem que ter uma religião no meio”.  
Só por isso já valeu ter lido este livro, gratidão Heródoto por nos ter trazido estes ensinamentos.
Graças a Deus.  

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Rinite mais qualidade de vida com prevenção.





Rinite alérgica: no tratamento preventivo, mais qualidade de vida.
 Com sintomas semelhantes aos do resfriado, rinite alérgica é uma das cinco doenças crônicas mais comuns mundo. Sem tratamento adequado, pode se tornar grave.
 De acordo com a Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia, a doença atinge cerca de 30% da população brasileira. É também uma das cinco doenças crônicas mais comuns no mundo, afetando entre 10% e 30% dos adultos e até 40% das crianças, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

 E a alergia é definida como reação exagerada do organismo frente a estímulos comuns do meio ambiente, a exemplo de alimentos, medicamentos, poeira, ácaros, pelos de animais, pólen e fungos. O problema pode se manifestar de diversas formas, caracterizando várias doenças, entre as quais a asma e a rinite alérgica. Rinite alérgica é inflamação do revestimento interno da cavidade nasal (mucosa nasal).
 A doença se traduz pela liberação de mediadores da resposta alérgica, como histamina, interleucinas e leucotrienos, pelas células inflamatórias. Essa inflamação determina os quatro principais sintomas da rinite alérgica: nariz entupido, coceira, espirros e coriza excessiva.
 Sintomas ignorados
 Muitas vezes os sintomas são ignorados, se prolongam e o processo se complica. A freqüente congestão nasal obriga a pessoa a respirar pela boca, podendo ocasionar irritação na garganta, voz anasalada, ronco e outros distúrbios respiratórios do sono. Não é incomum a associação de outras doenças, entre as quais otites, sinusites, faringites, amigdalites e asma. A respiração oral crônica, por sua vez, particularmente nas faixas etárias mais precoces, frequentemente se associa a alterações de desenvolvimento facial e dentárias.
 A grande maioria dos pacientes com rinite alérgica apresenta limitações nas atividades diárias, produtividade reduzida no trabalho e em sala de aula, no caso de crianças. Estudos apontam que cerca de 30% dos pacientes com rinite alérgica faltam ao trabalho ou à escola. Um levantamento realizado na América Latina em 2009, conhecido pela sigla AILA (Allergies in Latin America), mostrou que 79% dos pacientes com rinite alérgica apresentam algum tipo de impacto sobre sua vida diária na presença dos sintomas.
 Diagnóstico e acompanhamento.
 Na avaliação da médica Shirley Pignatari, chefe da Disciplina de Otorrinolaringologia Pediátrica da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo, o diagnóstico precoce e o acompanhamento médico são essenciais: “Para alguns indivíduos, fatores irritativos, como o ar poluído da cidade ou alérgenos respiratórios, entre os quais a poeira doméstica, são suficientes para o paciente começar a espirrar e a sentir coceira no nariz. O tratamento adequado possibilita o controle da rinite alérgica e permite melhor qualidade de vida para o paciente”.
 As crises decorrentes da doença causam sérios incômodos. No entanto, é possível amenizá-las e conviver bem com este tipo de doença, segundo a especialista. “Apresentar rinite alérgica não significa que o paciente deva sofrer por causa dos sintomas. Entender como manter o problema sob controle e impedir que as crises interfiram na sua rotina é o primeiro passo para o paciente se sentir bem”, ressalta a médica.
 Atenção redobrada
 A rinite alérgica exige que o paciente tenha alguns cuidados. As principais recomendações são manter os ambientes de casa e do trabalho limpos; trocar os lençóis de cama uma vez por semana; lavar as roupas guardadas por muito tempo antes de usar; deixar as janelas abertas para ventilar o ambiente; evitar sair de espaços quentes e ir para outros muito frios; e beber muita água.
 Além disso, o paciente deve evitar locais fechados e cheiros fortes, não fumar, ficar longe de mofo e dos agentes que desencadeiam a crise.
Fonte: Jornal Vida Integral.

"No entanto existe um tratamento natural para rinite principalmente alérgica é o uso do LOTAuma técnica milenar simples que qualquer um pode fazer higienizar as narinas com água morna e sal, além de hidratar a mucosa, impede seu ressecamento, cicatrizando-a, remove as placas de bactérias que se encontram alojadas na cavidade nasal. O uso do sal, cloreto de sódio, dissocia-se na água em sódio, que é um anti-séptico e cloro que é bactericida, para potencializar o efeito da terapia é opcional usar na solução própolis ou limão."
Prof. Dr. Luis Figueiredo, Terapeuta Holístico, naturalista e quiropraxista.
CRT 22031 / ANQ 049-99

terça-feira, 7 de maio de 2013

Cuide das suas articulações


 Por que estamos assistindo nos dias de hoje uma epidemia de doenças degenerativas articulares e ósseas? Podemos enumerar várias: artrite, asteoartritre, asteoporose, artrite reumatóide, discopatias degenerativas (desgaste com degeneração dos discos intervetebrais), osteofitoses ("os bicos de papagaios da coluna"), calcificações das articulações (artroses), endurecimento dos tendões, ligamentos e músculos, rigidez articular generalizada. Sem contar em dores por todo o corpo, as fibromialgias. Serão elas todas doenças da vida moderna?

terça-feira, 23 de abril de 2013

O Magnésio na Saúde. Artrite e Osteoartrite.


O Magnésio na saúde.

Qual a melhor maneira de fazer uso do magnésio? 
Magnésio combate "bico de papagaio" ? 
Recupera tendões e cartilagens? 

 “Essencial para a fixação correta do cálcio no organismo; a deficiência de magnésio pode causar endurecimento das artérias e calcificação das cartilagens, articulações e válvulas cardíacas; sua carência pode causar descalcificação nos ossos (osteoporose). Magnésio

sábado, 13 de abril de 2013

Me engana que eu gosto!

Quem já não ouviu essa frase na vida, cotidiana?  Com aquele sentido duplo, tipo estou ouvindo uma coisa mas quer dizer outra, uma coisa é o que dizem outa é o que se pratica. Ou então ouvido seletivo, já ouviu? Ouço o que quero, mas digo o que convém. Porque estou dizendo isso...?
Ontem passou em um emissora de televisão a maior do país, em um programa especial sobre longevidade e alimentação, hábitos saudáveis de alimentação, estilos de vida...etc...

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Qual profissional especialista devo procurar para tratar da minha saúde?

Curta nossa página no facebook

Resposta difícil: Depende !
Depende do que?


Do que você acha que tem!

Uma boa pergunta para os dias de hoje,  as especializações cresceram tanto em todas as áreas, as opções ficaram enormes e os “pacientes”, pessoas ficam com as informações que acham melhores, ouvindo de conhecidos casos semelhantes e fazendo suas escolhas, as vezes por indução de mídias, ou arriscando achar que conhece o que é melhor para si.
Hoje sem dúvida as escolhas estão cada vez mais difíceis em termos pessoais por causa de crenças e valores que nós mesmos atribuímos  e acreditamos que os profissionais de saúde sabem o que é melhor para nós.
 Com certeza cada um conhece ou deveria conhecer o melhor da sua técnica ou área que escolheu.

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Alergia Respiratória

É a alergia causada por componentes ambientais inalados, chamados de aeroalérgenos (alérgenos suspensos no ar). Os mais comuns são os ácaros da poeira doméstica, mofo (fungos do ar), caspas de animais (gato, cão e outros) e pólens de plantas domésticas ou externas Esses alérgenos usualmente afectam o sistema respiratório causando espirros, obstrução nasal, prurido nos olhos, lacrimejamento e falta de ar. A rinite alérgica e a asma são as principais doenças alérgicas respiratórias. 

terça-feira, 26 de março de 2013

Bom senso e moderação!



Será a moderação e bom senso o famoso caminho do meio que todos buscam? O equilíbrio nas nossas vidas o bem viver ou será que estamos mesmo em uma bicicleta que para manter o equilíbrio tem que andar em constantes ajustes de desequilíbrios, pois o andar faz o equilíbrio o parar cai...
O seria o caminho do meio, nem ao céu nem a terra, dizem os filósofos, pelo que sabemos os extremos desequilibram o prato da balança. Então como viver em equilíbrio? Sendo o desequilíbrio uma constante, o imprevisto, o acaso a que estamos sujeitos.

segunda-feira, 25 de março de 2013

Saburra na Língua, causa de mau hálito.


Saburra é uma substância viscosa e geralmente esbranquiçada ou amarelada que adere ao dorso da língua e equivale a uma placa bacteriana lingual. Na saburra, os principais micro-organismos existentes são do tipo anaeróbios proteolíticos, que produzem componentes de odor desagradável na boca, gerando mau hálito.

sexta-feira, 22 de março de 2013

Saiba mais sobre a alergia a poeira e ácaros


A alergia a poeira doméstica é causa importante de sintomas alérgicos respiratórios, principalmente asma brônquica e rinite alérgica. Pode-se diminuir ou eliminar estes sintomas, diminuindo a exposição ao pó. Estas informações vão esclarecer de que forma isto é possível.

quinta-feira, 21 de março de 2013

Com a chegada do outono...


 Temperaturas mais baixas, maior quantidade de polens das flores no ar, a umidade relativa do ar tende a diminuir, e a concentração de poluentes, são fatores que podem aumentar alergias respiratórias, alergênicos como fungos e ácaros, que se multiplicam nessa época do ano. É importante manter o sistema imunológico em alta, aliado à prática de prevenção a infecções ou doenças oportunistas, como gripes e resfriados alérgicos, mantendo o nosso organismo sempre equilibrado e saudável, com alimentação o mais natural possível, e evitando alimento muco-estimulante em excesso, como leites e derivados de origem animal. 

Uma boa defesa do organismo, segundo especialistas em nutrição natural, é diminuir consideravelmente, senão eliminar mesmo, alimentos industrializados, farinhas brancas, açúcar branco refinado, margarinas, embutidos e o excesso de proteínas animais. E fazer opções mais conscientes na hora de se alimentar, com alimentos naturais integrais, frescos e crus. Esses fatores conjuntamente contribuem para a melhoria da qualidade de vida e para uma maior resistência do organismo humano. 

O uso do Lota, aparelho para higienização nasal, hidrata a mucosa nasal preservando a mucosa em tempos de ar seco e frio e é um bom tratamento natural para rinites, sinusites, resfriados alérgicos, inclusive ronco e insônia. O uso diário do LOTA, promove uma limpeza na cavidade nasal, remove as placas de bactérias, reforçando o sistema imunológico de uma maneira geral. 

O custo dos tratamentos de saúde diminuiria muito com o hábito de higienizar as narinas, uma técnica muito simples e milenar.

quarta-feira, 20 de março de 2013

Sinusite, o que é como se trata.


Segundo Dr. Dráuzio Varella.
“Sinusite é a inflamação das mucosas dos seios da face, região do crânio formada por cavidades ósseas ao redor do nariz, maçãs do rosto e olhos.
Os seios da face dão ressonância à voz, aquecem o ar inspirado e diminuem o peso do crânio, o que facilita sua sustentação.
São revestidos por uma mucosa semelhante à do nariz, rica em glândulas produtoras de muco e coberta por cílios dotados de movimentos vibráteis que conduzem o material estranho retido no muco para a parte posterior do nariz com a finalidade de eliminá-lo.

terça-feira, 19 de março de 2013

O Lôta no Brasil


Meu depoimento como tudo começou.
Luis Figueiredo

Há vinte anos eu sofria de rinite alérgica. Fui usuário de descongestionantes nasais com cortisona.

segunda-feira, 18 de março de 2013

Porque o uso do LÔTA, cura sinusite.





Quando usamos o  LÔTA, HIGIENIZADOR NASAL
Acontece o seguinte:
O Fenômeno da Difusão por  Capilaridade.
A água morna tem função vasodilatadora, o sal (cloreto de sódio) é imprescindível, dissociando-se em cloro e sódio, o CLORO age como  bactericida e o SÓDIO
como  antisséptico. Adiciona-se uma colher de chá de sal para o conteúdo de um
lota, aproximadamente 400ml. Para simplificar as coisas, eu uso sal comum, quem
quiser usar sal marinho, fica a critério. O sal tem ainda a função de ajudar a proteger o revestimento da mucosa nasal,
bem como manter sua hidratação. 
Para sinusites, é opcional usar duas gotas de extrato de própolis, (prefiro o extrato de própolis sem álcool),  na água morna do Lota.
Quando você derrama uma gota de água numa folha de papel, a água se infiltra pelos capilares se espalhando por um
processo chamado difusão por capilaridade. O mesmo fenômeno acontece quando lavamos as narinas, por diferença de
temperatura, (água morna), e concentração, (o sal), e o tempo de passagem da
água através do septo nasal, acontece o mesmo fenômeno, a solução infiltra-se pelos capilares dos ossos do sinus frontal e seios nasais, nesse momento acontece
o amolecimento das crostas do muco, catarro, ou pus da infecção da sinusite, que estão aderidas, porque os ossos são porosos, e começam a sair na forma de
secreção, ou seja, limpeza. Os fármacos que “secam” a secreção, fazem com que ela não saia de lá, por isso o uso contínuo da limpeza nasal tem
muito sucesso na cura da sinusite.
E de uma forma totalmente natural. Sem os efeitos colaterais indesejáveis dos fármacos.
Boa saúde.
Prof. Dr. Luis Figueiredo
Quiropraxista, Terapeuta Holístico
CRT 22031 / ANQ  015/11

domingo, 17 de março de 2013

Que faço com minha rinite alérgica ?

Simples, faça uma higienização nasal com o Higienizador Nasal Lota! e livre-se dela !!



" Bom existe um tratamento natural para rinite principalmente alérgica é o uso do LOTA,uma técnica milenar simples que qualquer um pode fazer higienizar as narinas com água morna e sal, além de hidratar a mucosa, impede seu ressecamento, cicatrizando-a, remove as placas de bactérias que se encontram alojadas na cavidade nasal. O uso do sal, cloreto de sódio, dissocia-se na água em sódio, que é um anti-séptico e cloro que é bactericida, para potencializar o efeito da terapia é opcional usar na solução própolis ou limão."
Prof. Dr. Luis Figueiredo, Terapeuta Holístico, naturalista e quiropraxista. CRT 22031 / ANQ 015/11

 Com sintomas semelhantes aos do resfriado, rinite alérgica é uma das cinco doenças crônicas mais comuns mundo. Sem tratamento adequado, pode se tornar grave.
 De acordo com a Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia, a doença atinge cerca de 30% da população brasileira. É também uma das cinco doenças crônicas mais comuns no mundo, afetando entre 10% e 30% dos adultos e até 40% das crianças, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).
 E a alergia é definida como reação exagerada do organismo frente a estímulos comuns do meio ambiente, a exemplo de alimentos, medicamentos, poeira, ácaros, pelos de animais, pólen e fungos. O problema pode se manifestar de diversas formas, caracterizando várias doenças, entre as quais a asma e a rinite alérgica. Rinite alérgica é inflamação do revestimento interno da cavidade nasal (mucosa nasal).
 A doença se traduz pela liberação de mediadores da resposta alérgica, como histamina, interleucinas e leucotrienos, pelas células inflamatórias. Essa inflamação determina os quatro principais sintomas da rinite alérgica: nariz entupido, coceira, espirros e coriza excessiva.


 Sintomas 
 Muitas vezes os sintomas são ignorados, se prolongam e o processo se complica. A freqüente congestão nasal obriga a pessoa a respirar pela boca, podendo ocasionar irritação na garganta, voz anasalada, ronco e outros distúrbios respiratórios do sono. Não é incomum a associação de outras doenças, entre as quais otites, sinusites, faringites, amigdalites e asma. A respiração oral crônica, por sua vez, particularmente nas faixas etárias mais precoces, frequentemente se associa a alterações de desenvolvimento facial e dentárias.
 A grande maioria dos pacientes com rinite alérgica apresenta limitações nas atividades diárias, produtividade reduzida no trabalho e em sala de aula, no caso de crianças. Estudos apontam que cerca de 30% dos pacientes com rinite alérgica faltam ao trabalho ou à escola. Um levantamento realizado na América Latina em 2009, conhecido pela sigla AILA (Allergies in Latin America), mostrou que 79% dos pacientes com rinite alérgica apresentam algum tipo de impacto sobre sua vida diária na presença dos sintomas.
 Diagnóstico e acompanhamento.
 Na avaliação da médica Shirley Pignatari, chefe da Disciplina de Otorrinolaringologia Pediátrica da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo, o diagnóstico precoce e o acompanhamento médico são essenciais: “Para alguns indivíduos, fatores irritativos, como o ar poluído da cidade ou alérgenos respiratórios, entre os quais a poeira doméstica, são suficientes para o paciente começar a espirrar e a sentir coceira no nariz. O tratamento adequado possibilita o controle da rinite alérgica e permite melhor qualidade de vida para o paciente”.
 As crises decorrentes da doença causam sérios incômodos. No entanto, é possível amenizá-las e conviver bem com este tipo de doença, segundo a especialista. “Apresentar rinite alérgica não significa que o paciente deva sofrer por causa dos sintomas. Entender como manter o problema sob controle e impedir que as crises interfiram na sua rotina é o primeiro passo para o paciente se sentir bem”, ressalta a médica.
 Atenção redobrada
 A rinite alérgica exige que o paciente tenha alguns cuidados. As principais recomendações são manter os ambientes de casa e do trabalho limpos; trocar os lençóis de cama uma vez por semana; lavar as roupas guardadas por muito tempo antes de usar; deixar as janelas abertas para ventilar o ambiente; evitar sair de espaços quentes e ir para outros muito frios; e beber muita água.
 Além disso, o paciente deve evitar locais fechados e cheiros fortes, não fumar, ficar longe de mofo e dos agentes que desencadeiam a crise.
fonte: jornal Vida Integral. 


Problemas com mau hálito?

A maioria das causas do mau hálito encontra-se na boca, em cerca de 90% dos casos. Muitas vezes, a halitose está relacionada à saburra lingual, que tem ligação com o fluxo salivar e a higiene da língua,  "A saburra lingual é uma massa, uma película sobre a língua formada de bactérias, restos de alimento, saliva e células de descamação da cavidade bucal".A explicação é que a saburra lingual leva à fermentação dos alimentos, liberando gases à base de enxofre, por exemplo, e ocasionando o mau cheiro.
“Geralmente, as pessoas limpam os dentes e a gengiva, mas esquecem de limpar a língua”. Limpar a língua é tão importante quanto usar a escova e o fio dental. Uma língua limpa vai manter a boca mais livre de bactérias por mais tempo. A língua é como um carpete, junta muita "sujeira".
 Daí a importância de se acrescentar um item pouco conhecido ao kit de higiene pessoal, junto com o LOTA, que promove a higienização nasal, o limpador de língua, feito de aço inoxidável cirúrgico é o ideal, pois não tem toxidade e como instrumento pode ser esterilizado, ou limpo com álcool gel.
Além de confortável no uso não causa ânsia quanto utilizado. Cabe no bolso pode ser levado em qualquer lugar, junto com sua escova de dente. Aqui vale lembrar que a escova não limpa a língua adequadamente, pois amassa as papilas linguais fica “massageando” as bactérias na língua ao invés de removê-las. Ou seja, se você escova a língua de manhã, quando tem muita saburra e muco branco espalha as  bactérias e acaba engolindo! Fermenta no estômago, da azia e mau hálito!
O Higienizador lingual  LOTA, auxilia na manutenção de um hálito fresco, um frescor agradável na boca eliminando os resíduos de alimentos e bactérias que se aloja nas papilas linguais, que se não forem limpas causam fermentação, halitose, e acidez estomacal.
É preferível não usar nada a escová-la! Estão difundindo a idéia de que escovar a língua é bom... cuidado! E tem ainda alguns raspadores de plástico, que são grossos na espessura, provocam ânsia de vômito, são de plástico reciclado, de difícil higienização, desinfecção ou esterilização. Pois são de plástico!
O instrumento adequado é o aço inoxidável cirúrgico, com espessura ideal  serve para alcançar a base da língua o que a escova não consegue porque causa ânsia de vômito.
Prof. Dr. Luis Figueiredo, terapeuta naturalista, quiropraxista.


Atualizando e fazendo jus ao comentário da Clinica Halitus, quem quiser saber mais a respeito favor entrar no site:Halitose ou Mau hálito: causas e tratamentos.